Câmaras Municipais em MT pedem medidas contra a Moratória da Soja

Acordo da Moratória da Soja proíbe a compra do grão produzido em áreas do bioma Amazônia que tenham sido desmatadas após julho de 2008.

Em torno de 50 Câmaras Municipais em Mato Grosso aprovaram pedidos de medidas contra a Moratória da Soja. A decisão dos vereadores sobre o rigor do acordo comercial vem de encontro com atos já declarados pelo governo do estado e parlamentares das esferas estadual e federal.

A moratória da soja foi criada em 2006 pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) e da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec). O acordo privado proíbe a compra de soja produzida em áreas do bioma da Amazônia que tenham sido desmatadas após julho de 2008.

Tal iniciativa é polêmica e contestada pelo setor produtivo, em especial o mato-grossense, uma vez que o estado é responsável por cerca de 30% da produção nacional de grãos e possui um rebanho bovino com mais de 34 milhões de cabeças.

Fonte: https://matogrosso.canalrural.com.br/politica/camaras-municipais-em-mt-pedem-medidas-contra-a-moratoria-da-soja/